Quanto vale um sonho?

Por Rosiane Braga
Fotos: Retiradas do Google.com

Alguém sabe responder? Esta é mais uma das perguntas que instigam o nosso consciente em busca de uma resposta. Muitos têm facilidade de responder, outros já demonstram o tom de subjetividade que ela almeja, mas que nem sempre tem. Eu poderia neste instante encher até o final desta página com perguntas e que você me responderia como em um teste de pingue-pongue, mas lembrando que alguma você teria a resposta na ponta da língua e outras já levaria mais tempo. Que tal chegarmos a uma conclusão de que até hoje nenhum sonho caiu do céu.

Você que me retrucou, e é conhecedor de sonhos que não “caíram do céu”, mas foram realizados com facilidade e mencionou exemplos daqueles que ganharam na loteria, nasceram em berço de ouro ou ainda os que receberam uma herança, eu devolvo a bola pra você com argumentos: É raro o caso de quem ganha em apenas uma tentativa, atualmente enriquecer não é fácil e nunca recebemos benefícios sozinhos sem dividir com o governo e quem os destinou não obteve os ganhos em forma de presente.

Poderia dizer que a minha intenção escrevendo esse texto é que fosse lido por milhares de pessoas e que atravessasse fronteiras. Por que não denominá-lo um sonho? Todo mundo atribui “sonho” ao que quer e o que deseja conquistar, porque eu não poderia? Só que as coisas hoje não parecem tão simples assim, as pessoas sonham muito e são coisas complexas, que levam tempo, determinação e persistência para os realizarem. Todo mundo tem o potencial de chegar lá e se fizer “contas”, antes de tentar cumprir o ideal você não realiza. Isso é fato!

Não acredite na conversa de que vai levando a vida, porque quando você menos pensa, ela está te levando e o tempo passando. Você que leu este texto, não gostaria de determinar neste momento uma meta, “um sonho”? Mas tem que ser algo que tenha mesmo a pretensão de cumprir! Se não a ideia não é válida, hehe. Costumo dizer que Infeliz é aquele que não tem sonhos! Por que não cumprirmos etapas com realização própria e conquistas. Nada é por acaso, irão se lembrar de você! Afinal nunca desista dos seus sonhos, quanto ao preço, depois me responda o valor do seu!



Nunca deixe que lhe digam:

Que não vale a pena
Acreditar no sonho que se tem
Ou que seus planos
Nunca vão dar certo
Ou que você nunca
Vai ser alguém...

(Renato Russo)

Comentários

  1. Adorei seu texto!
    O meu sonho custa ,vale a minha vida!
    Um beijo
    Aline

    ResponderExcluir
  2. Oi Aline, que bom ter você por aqui.
    Beijo para você também.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Adidas lança filme inspirado em obras famosas

Carmen Steffens apresenta linha de chinelos

Lana Del Rey na capa da ‘V Magazine’

Ensaio nu de Madonna aos 20 anos é divulgado

Super Bonder no esmalte faz unhas durarem mais