Existência feliz!


Por Rosiane Braga
Fotos: Retiradas do Google.com

O aumento da expectativa de vida do brasileiro fortalece a ideia de que podemos viver mais e com a fantasia da jovialidade. Hoje em dia falar de qualidade de vida é muito complicado, principalmente para quem depende de recursos do governo. Mais difícil ainda é escrever um texto motivador se lembrando da deficiência da Saúde Pública em nosso país. A pergunta que não se cala é qual o segredo para a longevidade? Acredito que chegar lá sem saúde e disposição não é mérito para ninguém. O certo é seguir as tão mencionadas palavrinhas mágicas para alcançar bem-estar: evitar o cigarro, o uso de álcool com moderação, alimentação saudável; atividade física e atenção especial com a saúde física e mental.

Opa! A questão é que essas palavrinhas são tão ouvidas e as ações pouco praticadas. Vamos então lembrar como está a sua contribuição para ver os netos crescer... Ir ao médico quando a dor ultrapassa os limites do corpo significa falta de amor próprio ao extremo. Ai entra o check-up, semelhante aquele que o seu carro precisa para aguentar o tranco do dia-a-dia. Uma "coisa" simples contribuiu para a paralisação de toda a estrutura do carro. E o homem? Que possui um corpo humano impressionante? Exames periódicos! Fumar ajuda aliviar a tensão, mas enche cada vez mais o pulmão, só que de fumaça e manchas. Beber é bom demais, pode ajudar a esquecer os problemas e a desenvolver a musculatura do rosto, sorrir e sorrir. Poucos evitam a ressaca e sobrevive a cirrose. 

Educação alimentar ninguém faz! Comer fora de ora, dentro do carro, em cima da mesa de trabalho com os olhos nos formulários e esperando na fila de banco, além de recorrer ao famoso sanduíche. Arroz é feijão só quando dá tempo e olha que nem foi minha intenção adivinhar como você anda se alimentando. Ir ao supermercado ao lado da sua casa, ao trabalho todos os dias, na casa do amigo nos finais de semana ou qualquer compromisso só se for de carro. O impressionante é que ninguém sabe de onde vem a dor nas costas, nas pernas e porque alguns dias tudo amanhece travado. Se evita andar a pé da garagem a porta de casa e não sabe o que significa atividade física o desafio é maior para você quando se trata de longevidade.

Ai você pensa que, até agora o texto só tem informações maçantes e que uma pessoa que nem te conhece fica tentando dizer o que deve fazer para alcançar a longevidade. Se você leu até aqui, talvez seja porque você assim como eu precisa pensar um pouco mais em atitudes para obter qualidade de vida e lutar contra o tempo. Falar é fácil e o difícil e fazer. Agora entra aquela frase chata que você costuma ouvir quando ouve cobranças: Tempo é a gente que faz! Mas como? Se... o trânsito, a fila, a chuva, o guarda, o dinheiro, a crise e o relógio não ajudam. Ah, e ainda tem esta aqui: O que você costuma fazer de meia-noite às sete da manhã todos os dias? 

Não adianta a medicina fazer a parte dela com a descoberta das vacinas, a invenção dos antibióticos e dos recursos para combater doenças como o diabetes, os males cardíacos e alguns tipos de câncer, se não fizermos a nossa. Humm, isso remete assunto para a semana inteira. Mais do que nunca a minha intenção é mostrar para você que o conceito de velhice já foi reformulado. E sabe essas fotos que foram postadas no decorrer desta postagem? Mostram que algumas pessoas ainda se preocupam com a qualidade de vida e construíram um grande álbum. A mais pura verdade é que ninguém gosta de receber a aposentadoria e passar o resto dos dias de pijama em uma cadeira de balanço. Independentemente do comportamento que se adote, todo mundo quer passar os anos a mais ganhos no calendário com qualidade de vida, livre das doenças associadas à velhice. Você anda fazendo a sua parte? Uma boa pergunta para começar a semana.

Abraço amigo,
Uma Semana Abençoada...

Comentários

  1. Olá

    Adoramos eu blog, e estamos seguindo,
    nos faça uma visita e nos siga também
    para trocarmos ideiasi =]
    Beeeijinhos!

    Equipe seu jeito, seu estilo

    http://seujeitodesercomestilo.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Olá!

    Vim comunicar que transferi meus blogs para a plataforma WordPress.

    Blog da Maria Lúcia – Língua Portuguesa
    http://professoramarialucia.wordpress.com/

    Tudo que eu quiser postar – Variedades
    http://tudoqueeuquiserpostar.wordpress.com/

    Abraços!
    Maria Lúcia Marangon

    ResponderExcluir
  3. Oi!

    Passando para agradecer a sua visita, e espero que volte sempre!

    Te seguindo!
    Bjs;

    Tá rolando 2 sorteios lá no blog!!!
    http://perfumedepitanga.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  4. Olá adoreii seu blog! ja estou te seguindo da uma passadinha la no meu e me segue tbm! bjoss
    http://stupedodesejo.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Belíssimo post... bom de ler e bom despertar cuidados!
    eu amo o conceito e a filosofia de vida dos japoneses, coisas que eu adotei pra mim desde os primeiros dias que vim morar na terra do sol nascente, e já fazem 19 anos...regrinhas básicas, hábitos alimentares, que vc se adapta com o passar dos anos e bem sente falta de nada (como refrigerantes, café, gorduras, frituras), mas substitui por tofu, nato, nabo e assim... caminhadas diárias, exercícios ao longo do dia, esportes sempre, não só de vez em quando... risos.. muitos risos... ah.. vc pensa que japones não se diverti ou não ri, engana-se
    são educados, disciplinados, frios, ah! somente uma parcela... distante... pensamos assim... leem muito, muito mesmo... tudo contribue... trabalham bastante, mas se planejam quando chegar a aposentadoria, é claro que o governo japones tem um carinho especial pelos idosos... elas já fizeram a sua parte em contribuição e desenvolvimento da nação, agora é hora de desfrutar
    com vigor, saúde... japaones ama passear, tirar fotos, ir em eventos, shows...escalam picos, montes e montanhas... fazem trabalhos voluntários... conheço muitos com mais de 80 anos que parecem que tem 30 anos... a avó do meu marido tem 94 anos... fico impressionada com a lucidez, energia... ela vai ao mercado todos os dias e de bicicleta.... toma onibus, metro, shinkasem... não existe tempo feio, está sempre rindo, contando histórias de tempos de guerra, das novidades surgidas, das viagens realizadas...grande sabedoria e histórias únicas... tudo relatado e fotografado...

    eu espero estar nessa daqui alguns anos, meu marido é japaones, 10 anos mais velho que eu e tem uma vitalidade fora do comum, e eu quero estar com ele em todo o tempo até quando ficarmos, sei la, com quanto anos, mas com saúde, viajando, desfrutando o que estamos plantando hoje...

    Abraços
    Giovanna

    ResponderExcluir
  6. Oi...eu adorei o post!! Me fez refletir muito. Obrigada! beijinhos
    http://amazoniaumcaminhoparaosonho.blogspot.com/

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Adidas lança filme inspirado em obras famosas

Carmen Steffens apresenta linha de chinelos

Lana Del Rey na capa da ‘V Magazine’

Ensaio nu de Madonna aos 20 anos é divulgado

Super Bonder no esmalte faz unhas durarem mais