Tempestade em copo d´água

Por Rosiane Braga
Fotos: Retiradas do Google.com

O barulho não agrada. Buzinas, sirenes de polícia, ambulância e dos bombeiros. O martelo da construção, o roncado do avião e o barulho da batida de carros na esquina. Em casa, a panela de pressão do vizinho, o galo e o arrastar de cadeiras. Você já parou para pensar o que sua cabeça suporta todos os dias? Quem mora em grandes centros não tem vida tranquila. A questão é que algumas pessoas são contribuintes para uma inquietação maior. Sofrimento é opcional. Puxa e solta.... Puxa e solta o ar. Respirar fundo muitas vezes ajuda. Contar os números até dez, carneirinhos, sentar e fechar os olhos também.

Suspeita para falar, mas igual a muitos, ainda em fase de aprendizado, descobri que preocupação exacerbada só causa dor de cabeça e nem sempre é a melhor solução. A responsabilidade não deve ficar fora dos preceitos, mas dar murro em ponta de faca só “corta as mãos”. Deixar serviço para o dia seguinte, perguntar o que não sabe e ouvir palavras e até ensinamentos alheios não é motivo para ter vergonha. Relaxe... A vida é passageira. E meus colegas blogueiros, cada minuto que se vive por aqui é precioso. Você tem oportunidades e por meio delas você erra ou acerta. 

Devemos planejar apenas o que esta ao alcance de ser planejado. Como assim? Estar atrasado e tentar passar por cima de um congestionamento em um trânsito caótico só se faz em história de ficção. E e e ter muita calma nessa hora não é sair fora do planejamento. Pode ser que sejam problemas momentâneos que não é preciso desespero. Fazer escova no cabelo e ao sair tomar um banho de chuva ou de lama.... lembre-se que você tem a opção de voltar para a casa e se arrumar novamente. Quem nunca ouviu falar que a noite é uma criança! Na semana passada conversamos sobre nossos modos de cuidar da saúde e alcançar a longevidade com ela. E nesta semana saiba que tudo vai ser mais fácil se tiver paciência. Não vamos ser egoístas e chamar de sofrimento o que é apenas um imprevisto. Gente, gente, mas isso é coisa rotineira que todos nós estamos sujeitos a passar. Não é isso que você esta pensando? Mas é por essas e outras que as pessoas fazem tempestade em copo d´água.

Um guerreiro da Luz precisa de calma, paciência e muita rapidez. Ele necessita de todas essas qualidades ao mesmo tempo. Por outro Lado, os dois maiores erros são agir antes da hora e deixar que a oportunidade passe longe. Para evitar que isso aconteça, o guerreiro trata cada situação como se fosse unica e não aplica fórmulas, receitas ou opiniões alheias. Só ele terá que responder por seus atos. E tem consciência de sua responsabilidade. O califa Moauiyat perguntou a Omr Ben Al-Aas: "Qual é o segredo de sua grande habilidade política?". "Nunca me meti em assunto sem ter estudado previamente a retirada. Por outro lado, nunca entrei e quis logo sair correndo", foi a resposta de Omr Ben Al-Aas. (Paulo Coelho)

Comentários

  1. Paciência é o que mais falta hoje em dia. Temos cada vez menos tempo pra "perder" com outras pessoas, já ocupamos tempo demais com nossas coisas e nossos "problemas urbanos". Ocupamos tempo demais evitando problemas.

    Gostei desse blog sábio. Tô seguindo Se puder passa no meu e segue:
    http://leilakruger.blogspot.com

    Uma ótima semana.

    Bjo!

    ResponderExcluir
  2. Não adianta tentar abraçar o mundo todo, cada qual tem seu tempo e deve ser respeitado, sob pena de se tornar uma tempestada num copo d'água. Adorei seu blog e já estou a segui-lo. Meus parabéns.

    ResponderExcluir
  3. Olá, desculpe invadir seu espaço assim sem avisar. Meu nome é Nayara e cheguei até vc através do Blog A Poética de Cibele Camargo. Bom, tanta ousadia minha é para convidar vc pra seguir um blog do meu amigo Fabrício, que eu acho super interessante, a Narroterapia. Sabe como é, né? Quem escreve precisa de outro alguém do outro lado. Além disso, sinceramente gostei do seu comentário e do comentário de outras pessoas. A Narroterapia está se aprimorando, e com os comentários sinceros podemos nos nortear melhor. Divulgar não é tb nenhuma heresia, haja vista que no meio literário isso faz diferença na distribuição de um livro. Muitos autores divulgam seu trabalho até na televisão. Escrever é possível, divulgar é preciso! (rs) Dei uma linda no seu texto, vou continuar passando por aqui...rs





    Narroterapia:

    Uma terapia pra quem gosta de escrever. Assim é a narroterapia. São narrativas de fatos e sentimentos. Palavras sem nome, tímidas, nunca saíram de dentro, sempre morreram na garganta. Palavras com almas de puta que pelo menos enrubescem como as prostitutas de Doistoéviski, certamente um alívio para o pensamento, o mais arisco dos animais.



    Espero que vc aceite meu convite e siga meu blog, será um prazer ver seu rosto ali.

    http://narroterapia.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  4. Oi, tem Votação!
    Qual é o melhor slogan para divulgar meu livro no natal?
    Você decide!
    Sua votação é importante!
    Passa lá no blog para votar! Agradeço muito!
    http://amazoniaumcaminhoparaosonho.blogspot.com/2011/11/votacao.html

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Carmen Steffens apresenta linha de chinelos

Kim Kardashian na capa da ‘Harper’s Bazaar’

SP Fashion Week N44: Osklen

Sandálias da Ipanema ganham novas cores

Conheça os danos da maquiagem vencida