Instituição X Estudante


Por Rosiane Braga
Fotos: Retiradas do Google.com

O Ministério da Educação (MEC) divulgou na semana passada o resultado do Índice Geral de Cursos (IGC) das instituições de ensino superior avaliadas em 2010. Para obtenção deste resultado o órgão leva em conta o desempenho dos alunos no Exame Nacional de Desempenho de Estudantes (ENADE) e outros indicadores como qualidade do corpo docente e infraestrutura. Em geral apenas 8% das instituições avaliadas apresentaram resultados satisfatórios, o que demonstra deficiência no ensino superior do país. O processo avaliativo contou com 2.176 instituições entre faculdades, universidades e centros universitários. 

Após a divulgação do desempenho dos estudantes o MEC realiza um processo de supervisão nas universidades inclusas no quadro insatisfatório e as mesmas podem perder a autonomia para criar novos cursos, ter o congelamento de vagas ou até o descredenciamento. Isto mostra a importância deste resultado para as instituições de ensino e o que ele pode acarretar aos estudantes. Outro fator apontado no processo avaliativo foi o Conceito Preliminar de Curso (CPC). Assim como na avaliação geral a listagem dos cursos apresenta um indicador de 1 a 5. Conceitos 1 e 2 são considerados ruins, 3 é considerado satisfatório e 4 e 5, bons.

Sem generalizar a questão das faculdades indicadas como de baixa qualidade é necessário analisar o trabalho das instituições para a realização do ENADE e dos alunos na realização da prova. Algumas faculdades entregam a prova para os universitários sem aviso prévio, no horário comum de aula e com o argumento de que para os alunos selecionados o exame é obrigatório e indispensável para a emissão do histórico escolar. Além de que muitos deles realizam a prova sem saber a finalidade e sua importância. É importante mencionar que o desempenho dos alunos no exame muitas vezes não é verdadeiro, porque muitos deles sem saber os fins da avaliação chutam e marcam um X em qualquer uma das alternativas, por se tratar de questões objetivas. Ao analisar estes fatores apontados podemos dizer que em alguns casos existem gargalos que comprometem o resultado e penaliza instituição e aluno. 

Depois que o resultado do IGC foi divulgado, Luis Fernando Massonetto, secretário de Regulação e Supervisão do Ensino Superior divulgou que o MEC vai cortar 50 mil vagas de cursos que tiveram resultados insatisfatórios, nas áreas de saúde, administração e ciências contábeis. Lembrando que as medidas são válidas até o próximo IGC, em 2012 e se neste período as instituições conseguirem melhorar o desempenho e apresentar um resultado satisfatório, a punição é suspensa. Caso isso não aconteça a Secretaria de Regulação e Supervisão da Educação Superior do MEC pode abrir processo para descredenciar a instituição. 

Houve casos de centros universitários que tinham perdido a autonomia pelo mau desempenho no IGC de 2009 melhoraram a nota e tiveram as medidas cautelares revogadas. Com a divulgação de um resultado insatisfatório para a maioria, devemos entender o que o indicador IGC provoca na sociedade institucional. Há de pensar que a grande repercussão pela imprensa é um formador de opinião pública e uma poderosa e polêmica ferramenta de marketing. Como teme Barreyro (2008), no entanto, que a divulgação de novos indicadores se aproxime mais de visibilidade publicitária do que, propriamente, da avaliação da qualidade. Será que os instrumentos atuais para a avaliação do conceito de qualidade do ensino superior não deve ser revista?
_______________________
BARREYRO, Gladys B. De exames, rankings e mídia. Avaliação, Campinas; Sorocaba, v. 13, n. 3, p. 863-868, nov. 2008.

Comentários

  1. Muita boa a matéria. É necessário que as pessoas saibam que ao mesmo tempo em que proliferou-se o número de instituições para o ensino superior, nem sempre veio acompanhado de qualidade.

    ResponderExcluir
  2. Há também instituições que "oferecem" (quase em regime de obrigatoriedade) um curso preparatório específico para o ENADE para os alunos selecionados, o que para mim esconde a real situação da mesma.
    Bela reflexão.

    ResponderExcluir
  3. Você está estre os melhores de 2011, primeira premiação feita pelo blog Sei que Deus existe, passe por lá para conferir e pegar seu prêmio virtual parabéns pelo seu trabalho.
    http:www.seiquedeusexiste.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Adidas lança filme inspirado em obras famosas

‘Vanity Fair’ e as estrelas de Hollywood

Lana Del Rey na capa da ‘V Magazine’

Carmen Steffens apresenta linha de chinelos

Ensaio nu de Madonna aos 20 anos é divulgado