Four More Years!

Shawn Thew/Lusa/ABr
E a vontade do povo foi feita... O mundo está em festa! Barack Obama foi reeleito nesta terça-feira (6) com 303 votos dos 538 nos principais colégios eleitorais no país. Em seu discurso, o presidente reeleito disse que o “melhor está por vir”. Muitos dos pesquisadores brasileiros atribuem a vitória às medidas adotadas por ele na área social, como o plano de saúde para os norte-americanos, e ao empenho para conter os efeitos da crise econômica internacional, além do pragmatismo norte-americano.

Ainda lembro.... Em 2008 o mundo esperava com expectativas o início do mandato do primeiro presidente eleito negro do país. Os norte-americanos queriam mudanças. Para quem ainda não sabe, Barack Hussein Obama, seu nome significa “abençoado” em suaíli, uma das línguas do Quênia, onde estão as suas raízes familiares, já foi classificado como "a grande esperança dos brancos" pela imprensa americana, ao incorporar o sonho de reconciliação e ao se colocar acima das divisões raciais do país.

O povo o reelegeu novamente e decidiu apostar mais uma vez em sua gestão. Na campanha passada o candidato argumentou e foi convincente de que iria trabalhar pelo bem do povo americano, entre suas propostas estavam quatro medidas para criar empregos no país e proteger os norte-americanos contra os efeitos da desaceleração econômica. Sabe-se que a taxa de desemprego no país caiu muito e que por outro lado Obama enfrentou uma grande crise econômica nos últimos tempos. E ainda, do seu plano especial para a geração de emprego American Jobs Act, apenas parte dos benefícios fiscais destinados aos trabalhadores foi aprovada pelo Parlamento.
Shawn Thew/Lusa/ABr

Desde o princípio, Obama se colocou como um seguidor de alguns dos mais conceituados líderes democratas e rebateu a crítica de que os democratas são frouxos quando se trata de defender os Estados Unidos de ameaças internacionais. "Somos o partido de (Franklin D.) Roosevelt, somos o partido de (John F.) Kennedy. Então, não venha me dizer que os democratas não defenderão este país. Não venha me dizer que os democratas não nos deixarão seguros. A política externa de Bush-McCain desperdiçou o legado que gerações de americanos - republicanos e democratas - construíram. E nós estamos aqui para restaurar esse legado." Torceremos para que o seu segundo reinado seja o melhor e que não decepcione o mundo e o povo americano, pois mais uma vez há esperanças depositadas no democrata.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

SP Fashion Week N44: Osklen

Sandálias da Ipanema ganham novas cores

Carmen Steffens apresenta linha de chinelos

Conheça os danos da maquiagem vencida

Vestidos elegantes na cor preta, a partir de R$69,90